Buscar
  • Melissa Ribeiro

Compatibilização de Projetos na Construção Civil


Os projetos realizados na construção civil têm, como objetivo, encontrar soluções econômicas e inovadoras para os clientes. Esses empreendimentos necessitam de diversos profissionais para agilizar a execução, e com isso surge um problema: conflito entre os projetos de diferentes profissionais na execução da obra. A compatibilização é realizada para analisar o que foi traçado pelos projetistas que estão trabalhando em uma construção, a fim de evitar interferências entre os projetos, como o hidrossanitário e estrutural, por exemplo.

A compatibilização de projetos deve ser realizada antes da execução da obra, com o objetivo de evitar interferências físicas e perda de funcionalidade, que geram retrabalho, aumentam os custos e provocam atrasos. Atualmente, a forma mais recomendada para a compatibilização é o uso de tecnologia BIM, para garantir a visualização 3D e as informações de cada projeto, com a possibilidade de alterações automatizadas, com uma sobreposição dos desenhos.

Exemplo de compatibilização de projetos

(Fonte: http://bit.ly/2NFfonc)

A compatibilização é feita pela sobreposição de todos projetos existentes da obra (projeto arquitetônico, estrutural, hidrossanitário e elétrico, por exemplo). Surgindo uma interferência entre os projetos, é corrigido antes da sua execução. Por exemplo, uma tubulação cruzando uma viga que o estrutural não previu. Assim, a compatibilização é usada para minimizar e otimizar a execução no canteiro de obra, evitar desperdício de material e retrabalho.

Vantagens da compatibilização de projetos:

  • Custo: Com a compatibilização é possível diminuir custos que as falhas provocariam. Com os ajustes necessários entre os diversos desenhos, chega-se ao projeto executivo final. Com ele, a construtora elabora o orçamento da obra com o valor mais próximo do real e pode iniciar o processo construtivo. O custo da realização da compatibilização representa um investimento em torno de 1% a 2% do custo do empreendimento. Alguns estudos comprovam que o projeto desenvolvido com o método de compatibilização reduz entre 5% e 10% o custo total da obra.

  • Tempo de execução da obra: Controle dos prazos. É preciso investir mais em planejamento e análise para reduzir o tempo de execução. Quando os projetos são analisados com atenção e tempo adequado, o uso de compatibilização evita os desperdícios e imprevistos são reduzidos, seguindo o cronograma de obra de uma construção.

  • Prevenção: Consiste basicamente em prever os problemas e rever soluções, ainda na fase de projeto, e garantir que não haja retrabalho no canteiro de obras e que, assim, o custo da obra que foi determinado, tenha o mínimo de variação. Livros que estudam as patologias das construções estimam que cerca de 51% dos problemas vêm dos projetos e sua concepção, isso inclui as divergências entre estes.

Compatibilização da projetos da EJECiv

A EJECiv têm experiência com os projetos complementares e utiliza a tecnologia BIM para resolver problemas de compatibilidade. Manda uma mensagem pra gente para saber mais!


155 visualizações

CONTATO

Av. Osvaldo Aranha, 99
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

ejeciv@ejeciv.com.br

Tel/Whatsapp: (51) 98446-5417

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle